No ano de 1960, surgiu um novo movimento da psicologia que iria se contrapor ao determinismo e ao mecanicismo da época, a psicologia humanista. Ela surgiu com o intuito de suplantar tanto as duas maiores forças da psicologia na época, a psicanálise e o behaviorismo. Seus principais fundadores foram Carl Rogers, que fundou a abordagem centrada na pessoa e Abraham Maslow, que criou a teoria das hierarquias das necessidades. Como veremos mais a diante, a psicologia humanista não chegou a ser uma escola da psicologia, mas que mostrou o seu valor para a mesma e assim fazendo parte dela.

O conteúdo referente a parte de humanismo ainda é pouco, porém tentamos dar um resumo do que seria a psicologia humanista, como também a teoria de Maslow e Rogers. Mas não ficará restrito a apenas um resumo da teoria, mais à frente será expandido e teremos uma visão mais ampla de ambas as teorias.