Artigos com o tema:

Psicologia Escolar

3.8                     Avalie este Artigo:

Resumo: Este estudo teve como objetivo discutir o Fracasso Escolar Diagnóstico Psicopedagógico na área da educação, a fim de conhecer mais sobre o assunto, referente às  dificuldades de aprendizagem dos discentes nas séries iniciais do ensino Básico. O estudo foi realizado com uma criança de sete anos do segundo ano do ensino básico, por meio da aplicação dos testes Diagnóstico Psicopedagógico Clínico e TDE. Os resultados do estudo mostraram que algumas crianças podem passar por dificuldades de aprendizagens e isso poderá levá-lo ao fracasso escolar. Foi concluído que faz se necessário refletir sobre o assunto a fim de poder contribuir positivamente na aprendizagem do educando em sala de aula.

Palavras-chave: Diagnóstico Psicopedagógico, Psicopedagogia, Psicologia Escolar.

Leia mais: Fracasso Escolar: Diagnóstico Psicopedagógico

4                     Avalie este Artigo:

Resumo: O presente estudo busca investigar a percepção dos professores do ensino fundamental I sobre as dificuldades de aprendizagem. Trata-se de uma pesquisa exploratória de caráter descritivo, no qual foi realizado um levantamento de dados, através de um questionário, em uma escola municipal e submetido à aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa. A escolha da amostra pautou-se nos critérios de inclusão e exclusão descrita no método. As informações coletadas foram discutidas relacionando-se ao referencial teórico de forma quantitativo e qualitativo. A aprendizagem é um processo dinâmico multidisciplinar, pelo qual o sujeito adquire conhecimento abrangendo fatos da vida e áreas do conhecimento que estão em evolução e transformação. A aprendizagem sofre influências de diversos fatores, o que leva diversas crianças a terem dificuldades de aprendizagem logo no inicio da vida escolar. Há uma grande diferença entre os termos dificuldades de aprendizagem e distúrbios de aprendizagem, mas apesar da diferença de conceituação, há ainda muita polêmica, e confusão entre autores, e consequentemente no ambiente escolar, onde é preciso uma distinção entre os dois termos. O uso indiscriminado e disseminado dos termos distúrbios, dificuldades, perturbações ou disfunções de aprendizagem nas escolas, leva a rotulações de crianças no inicio da vida escolar e que os acompanham até a formação, e não contribuem para a compreensão, prevenção e minimização dos problemas que podem ocorrer na relação ensino/aprendizagem. Buscou-se relacionar a atuação do psicólogo educacional diante desta demanda muito presente nas escolas.

Palavras-chave: Aprendizagem, Professor, Psicologia Educacional.

Leia mais: Dificuldade de Aprendizagem: Percepções dos Professores do Ensino Fundamental I da Escola Municipal de Educação Básica Figueira


4.875                     Avalie este Artigo:

1. Introdução

O presente estudo integra as pesquisas relacionadas à problemática do Transtorno do Déficit de Atenção Hiperatividade, TDAH: O professor como mitigador do processo do ensino-aprendizagem. Com isso, há necessidade dos profissionais dos mais diversos segmentos prepararem-se para as novas demandas existentes na sala de aula. Nesse cenário focalizamos o professor, o qual lida  intrinsecamente com o conhecimento no processo ensino-aprendizagem, por isso dele é exigido à busca incessante pelo saber, a capacitação contínua para que preparado, possa lidar com o novo, com os desafios, sendo o pleno desenvolvimento do educando, o que assim destaca a criança com TDAH.

Leia mais: Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade: o Professor como Mitigador do Processo Ensino-Aprendizagem

4.5                     Avalie este Artigo:

Resumo: Este artigo tem como finalidade discutir o Transtorno de Conduta de forma a envolver escola e família no tratamento em prol da criança ou adolescente, com o objetivo de minimizar os sintomas. Muitas vezes, o transtorno de conduta é confundido com comportamentos normais de adolescentes, o que pode dificultar e atrasar o tratamento, de forma a agravar os sintomas com o passar do tempo. O tratamento do transtorno de conduta necessita muito esforço dos familiares, educadores e terapeutas para que, de fato, exista uma qualidade de vida melhor e mais adequada para a criança ou adolescente e para os familiares, proporcionando melhoras significativas nos contextos aos quais esse paciente está inserido.

Palavras-chave: Transtorno de conduta, Infância, Família, Escola, Psicologia.

Leia mais: Transtorno de Conduta: Envolvendo Escola e Família

4.4285714285714                     Avalie este Artigo:

Resumo: Este trabalho objetivou pesquisar sobre o fenômeno da evasão universitária, investigando os motivos que levam os alunos a tomarem a decisão de evadir. O sonho de obter um diploma de curso superior é ambicionado por muitos jovens brasileiros, um grande número ingressa no ensino superior, mas, também, amplia-se a cada dia o número de alunos evadidos. Através desta pesquisa bibliográfica, constatou-se que as investigações frente ao fenômeno da evasão universitária no Brasil são bastante recentes e poucos autores trabalharam sobre esse tema. Também constatou-se que os motivos que levam esses alunos a evadirem são multifatoriais. Sugere-se que o tema seja alvo de pesquisas no campo da Psicologia e que estas possibilitem aos psicólogos a elaboração de ações práticas que possam ser adotadas não somente para frear o fenômeno, mas principalmente que proporcionem condições ao jovem de aumentar sua segurança para enfrentar os desafios do processo decisório diante de sua carreira.

Palavras-chave: Evasão Universitária, Jovem, Função do psicólogo.

Leia mais: Contextos da Evasão Universitária no Brasil

4.0625                     Avalie este Artigo:

Resumo: O estudo enfatiza considerações relevante sobre o Programa Bolsa Família, como alternativa que se destina a crianças de classes menos favorecidas, no que diz respeito ao assistencialismo social como fator de inclusão, essencialmente no desenvolvimento, manutenção e permanência escolar dos alunos beneficiários e respectivamente suas famílias. O processo metodológico quanto ao seu delineamento no intuito de atender aos objetivos propostos, caracterizou-se pelo embasamento de diversos autores que estudam a relação Bolsa Família e educação.

Palavras-chave: Programa Bolsa Família, Inclusão, Crianças e Educação.

Leia mais: Bolsa Família e Educação: Contribuições de Inclusão

4.6                     Avalie este Artigo:

Resumo: A mediação de conflitos escolares é um grande desafio para as instituições de ensino contemporâneas que já sofrem fortes críticas de pedagogos, filósofos e sociólogos, quanto ao seu desempenho em um âmbito geral, de conteúdos, indefinição de uma linha pedagógica, etc. O projeto ora apresentado buscou conhecer e identificar alguns tipos de embates na escola comum (de Fortaleza) e dificuldades encontradas no intuito de desenvolver resoluções positivas que podem e devem ser tomadas em circunstâncias conflitantes enfrentadas por uma comunidade escolar. Considerando o contexto, efetuamos uma pesquisa qualitativa e bibliográfica que serviu como apport para o método etnográfico que utilizamos para coleta de dados em uma escola pública (Municipal) de Fortaleza de nível Fundamental, com um grupo de alunos, com a coordenadora e com a secretária escolar, onde, nos baseamos nos seguintes autores:  Chrispino  (2002),  (2004),  (2007),  Santos  (2006),  Beleza  (2011), Freire (1886), (1996), (2005), Sales (2007), (2010) e Joca (2009). Os conflitos escolares, perpassam os muros da escola, que por outro lado, com uma organização fragilizada pedagogicamente e socialmente, não consegue ir muito além de reproduzir ou espelhar uma sociedade estigmatizada, violenta a qual esses sujeitos especialmente são expostos já no momento em que são concebidos.

Palavras-chave: Mediação, Conflito, Escola, Violência.

Leia mais: A Mediação de Conflitos entre Alunos e Professores na Escola Comum

3.5                     Avalie este Artigo:

Resumo: Este artigo tem por objetivo abordar questões relacionadas as dificuldades de aprendizagem no processo escolar, de forma a contribuir e melhorar a qualidade de ensino, principalmente no processo de alfabetização. Bem como refletir sobre os problemas de aprendizagem no processo de aquisição da leitura e escrita. Tendo como fonte estudos literários. Neste estudo foi possível entender um pouco mais o processo de aprendizagem e alguns aspectos que a interferem. Este estudo partiu da necessidade de entender e compreender os ritmos e dinâmicas desenvolvidas pros educandos que apresentam dificuldades em apreender, assimilar, compreender e socializar o conhecimento. Procurando identificar a metodologia que melhor promova a aprendizagem, e com isso favorecer o encontro de caminhos e práticas que atuem sobre os problemas encontrados. Trata-se aqui de uma reflexão dos problemas de aprendizagem como um todo e não daqueles definidos como necessidades educacionais especiais. Nesse sentido a prática educativa deve contemplar a todos independente do seu ritmo e nível de aprendizagem, sempre levando em consideração a bagagem cultural que o educando traz.

Palavras-chave: Problemas de aprendizagem, Alfabetização, Desenvolvimento, Educador, Educandos.

Leia mais: Dificuldades de Aprendizagem na Alfabetização